Aromas e sabores paraibanos conquistam o Rio de Janeiro na Semana da Gastronomia Regional | Senac Paraíba

Senac

Paraíba

A Paraíba chegou ao Rio de Janeiro apresentando toda sua história e cultura na Semana da Gastronomia Regional que aconteceu no Restaurante Senac Downtown (RJ). Guiados pelos ensinamentos e toda técnica do Chef Onildo Rocha, a equipe paraibana preparou, nos dias 5 e 6 de junho, pratos com insumos locais que foram do litoral ao sertão. Os cariocas, além de terem a oportunidade de desfrutarem de um menu seleto, participaram da aula-show ministrada pelo chef que levou a Costela no Bafo ao paladar do público. Para animar toda a programação e já embalar o pessoal ao som do forró nordestino, o Grupo de Danças Folclóricas do Sesc esteve presente durante todo evento.

A presença do Senac Paraíba se deu através do serviço de dois almoços e uma aula-show. No cardápio, o público pôde apreciar as comidas regionais, como o Cuscuz nordestino; Arroz vermelho de leite com queijo coalho; Maxixada; Rabada, entre tantos outros. Na incrementarão dos alimentos, a cozinha tradicional deu espaço para os pratos que misturavam um pouco dos ingredientes do sertão e litoral, foi então que surgiu o Rubacão de frutos do mar; Camarão ao creme de jerimum ou com natas do sertão, além da Peixada paraibana. Para as sobremesas, as delícias ficaram por conta do Bolo de engenho com caramelo de rapadura; Tarte de queijo de cabra com flores de jerimum; Bolo de macaxeira com caramelo de rapadura, Cartola, e muito mais.

Para a carioca Marisa Barbosa, a experiência gastronômica foi surpreendente. “Gostei muito dos pratos, mas o que ganhou meu coração foi a carne de sol na nata com a farofa de cuscuz, comidas deliciosas que nos remetem a uma sensação incrível de bem-estar. Pude sentir um pouquinho do que é a Paraíba”, afirmou Marisa. O Chef Onildo Rocha é um parceiro do Senac e falou como foi estar pelo segundo ano à frente da cozinha do evento. “Desta vez buscamos enfatizar mais o litoral, também trazendo ingredientes do sertão, mas com ênfase nos frutos do mar. Trouxemos o Rubacão e fizemos a adição de lula, polvo, camarão na composição. Outro prato tradicional foi a Buchada, a Dobradinha de Milho, além da Rabada. A intenção foi apresentar nosso litoral sem perder a utilização de ingredientes do cariri, sertão e nossas raízes. Nos doces pudemos trazer os queijos de cabra da Fazenda Carnaúba, de Taperoá (PB), sempre buscando enaltecer mais o produto local. Buscamos entregar ao público do Rio de Janeiro um ar diferente, não só uma coisa do caricato dos pratos nordestinos, dar um ar de contemporâneo, mas respeitando a cultura e o produto”, declarou o chef Onildo Rocha.

Na Semana da Gastronomia Regional da Paraíba, além do Chef Onildo, o Senac tinha uma equipe de profissionais regionais envolvidos na preparação dos pratos. O Instrutor do Senac Paraíba, Iago de Lellis, falou um pouco de como foi a experiência de poder atuar no evento. “Sempre é um prazer estar representando nosso regional, como a nossa cozinha e nossa parte na gastronomia brasileira que está em alta nos últimos tempos. Trazer o que é do sertão e mar e fazer esta integralidade é muito satisfatório. Através da cozinha de fusão, colocamos nos pratos os frutos do mar, os grãos e as curas, o que precisamos para trazer um pouco da Paraíba ao paladar de todos”, concluiu o instrutor. O Chefe Renato de Oliveira está à frente do Restaurante Senac Downtown desde 2013 e, para ele, “trabalhar a gastronomia regional nem sempre é tão fácil, requer muita atenção e dedicação, porém, mais uma vez, receber a Paraíba é muito gratificante, pois trabalhamos com profissionais capacitados como é o Chef Onildo Rocha e toda sua equipe. É uma honra dividir minha cozinha, aprender mais, trocar experiências e trabalhar com insumos diferenciados que nos permitem viver uma culinária que não praticamos no dia a dia”, apontou o chef.

No primeiro dia de gastronomia paraibana aconteceu a Aula-Show com o Chef Onildo Rocha, momento no qual o público trabalhou a receita Costela no Bafo e como acompanhamentos xerém de milho, rôti de rapadura e picles de mini legumes. A aula contou com a participação de mais de 30 pessoas numa imersão sobre cultura e gastronomia. “É um prazer estar com o Onildo, inclusive eu cito ele nas minhas aulas e palestras para os meus alunos como um chef contemporâneo, que defende nossa gastronomia e nossa origem. A filosofia sertaneja dele, de aproveitamento máximo dos ingredientes, do respeito aos produtores locais encanta e faz nossa participação nestas formações algo encantador. Saí daqui com mais uma receita para pôr no prato, cheia de cultura e sabor”, relatou a professora de Gastronomia no Rio de Janeiro, Renata Soares.

 

 

 

O Senac utiliza cookies e outras tecnologias para aprimorar sua navegação e experiência em nosso site, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.